sábado, 4 de julho de 2009

E ASSIM FOI MAIS UMA VISITA-CONVÍVIO AOS ENFERMOS DE LEPRA DO ROVISCO PAIS...


Mais uma vez, no dia 28 de Junho, fomos visitar os nossos amigos - enfermos de lepra - ao hospital Rovisco Pais e mais uma vez a felicidade foi o ponto alto.

Começo por salientar que foi uma pena o nosso amigo Pedro Silva (membro do grupo local da APARF de Ermesinde) não poder estar presente, mas motivos laborais estiveram na causa disso mesmo.
Também o Hélder não pode acompanhar-nos por motivos familiares.
Mas há muitos e muitas que não puderam participar por motivos académicos….
Quanto aos que foram temos a salientar o ânimo com que estavam para mais uma visita.
Desde pessoas que já vão há muitos anos até às pessoas que iam a primeira vez, uma mistura que esteve muito boa.
Viagem e chegada ao Hospital tranquila.
À chegada deparamo-nos com uma vasta “comitiva” de Gondomar que ali estava já em festa.
Fomos então recebidos pelo Sr. João (Presidente da Direcção da APARF) e desde logo por mãos do Carlos Santos entregaríamos um cheque referente ao peditório transacto e também duas cadeiras de rodas que foram gentilmente oferecidas pelo Rotary Club de Ermesinde, a quem reconhecidos e gratos dizemos - obrigado.
No final das oferendas, o novo grupo local da APARF de Ermesinde, foi apresentado em primeira pessoa ao Sr. João que assim pode saber quem o constitui.
Passado este belo momento eis chegado o ponto alto da visita, o contacto pessoal com os doentes. Tempo esse para conviver com aquelas pessoas que de nós tanto gostam e que se sentiram mais uma vez maravilhadas com a nossa ida.
Também foram entregues os manjericos como prenda por todos os participantes no passeio, ao nosso amigos enfermos, um gesto que mais uma vez foi marcado pelo grande gosto de todos eles.
Passado o momento alto da nossa visita fomos então assistir à celebração da missa, para passarmos depois ao almoço.
Já na parte da tarde fomos visitar mais uns doentes mas estes, os que vivem independentes.
Estivemos a conversa com a D. Ana, uma senhora já muito antiga no Hospital.
Tão interessante que a conversa estava que nem demos pelas horas passar, o que nos fez “vir a correr” para a festa que já decorria.
Festa está que teve a participação de variadas pessoas onde saliento a D. Luísa (na voz) e o Sr. Domingos Lima (no acordeão) e que se fazia acompanhar também da D. Ana, sua esposa e que a titulo pessoal se deslocaram ao Hospital e com a sua sensibilidade à causa animaram ainda mais a tarde.
Já no finalizar da nossa visita estivemos juntos num lanche que era aberto a todos e entre conversas, sorrisos e muito mais foi passando a hora.
Conversas com voluntários (as) que estiveram no terreno (em Missões), com pessoas que já fazem peditório há muitos anos e muito mais.
Conversas essas muito boas para aumentar ainda mais a nossa vontade de trabalhar e seguir em frente neste grande projecto que é de todos nós.
Finalizada a visita foi hora de partir, com mais um sorriso enorme que aquele local nos deixa.
Sentimento de dever cumprido e com alegria regressamos ao nosso local de trabalho para aqueles que tanto precisam de nos.
Depois de mais uma experiencia que é sem dúvida única, podemos dizer que estamos mais fortalecidos para levar o nosso projecto no bom caminho.
Um muito obrigado a todos os participantes nesta visita.

Um obrigado muito sincero à Junta da Freguesia de S. Pedro Fins, pela cedência do transporte gracioso, na pessoa do Sr. Alvarinho Sampaio e ao simpático motorista Sr. Benjamim.

Ao Sr. Presidente da Junta da Freguesia o nosso agracedimento.




















Pedro Sousa (Aparf - Grupo Local de Ermesinde)

Sem comentários:

Enviar um comentário